origem

segunda-feira, maio 23, 2016

Carta aberta a Maxi Pereira

Caro Maxi,

Falhaste ontem um penalty que acabou por ser decisivo para a vitória do Braga na final da Taça. Neste momento, certamente difícil para ti, há muitos benfiquistas que estão a gozar-te por isso. Devo dizer-te que não me revejo nada nessa atitude. Sempre te admirei e deste-me muitas alegrias durante oito anos. Não percebo que haja benfiquistas que, não só se esqueçam disso, como, MAIS IMPORTANTE QUE TUDO, não te agradeçam por nos continuares a dar alegrias! Posso ter muitos defeitos, mas a falta de gratidão não é um deles, portanto deixa-me dizer-te do fundo do meu coração bem vermelho: muito obrigado, Maxi! Um grande bem-haja para ti!

Um abraço sentido de um tricampeão e continua a sentir-te “valorizado” porque isso é o mais importante.

S.L.B.

3 comentários:

redthunder Manuel disse...

Ontem vi-o na Final da Taça.Que pena ver a tristeza com anda a jogar.Quem foi valorizado foi o empresário que recebeu o que deixará de receber no SLB. Pena por teres feito todos nós Benfiquistas termos apagado tudo que de bom nos deste. Um dia voltarás a casa e verás outros a serem recordados para sempre como Muccoli e Gaitan e Di Maria por exemplo.Seras esquecido e so quando quisermos recordar alguem que nos tratou mal vieas a nossa memoria. Sorte tua que raramente lembramos quem nos tratou mal mas o registo fica feito.Como pessoa que sejas feliz mais a tua familia.

Bakero disse...

Exacto, até porque ele tem que pensar na família. Aliás, quando marcou o penalty, também devia estar a pensar na família...

Nau disse...

A vida dá aos traidores aquilo que eles merecem.