origem

segunda-feira, abril 04, 2011

Triunfo do Mal

Perdemos (1-2) frente ao Clube Regional Assumidamente Corrupto e deixámo-los tornarem-se campeões em nossa casa. Foi o pior que nos podia ter acontecido e finalmente percebi o que sentiram os franceses em Paris a 14 de Junho de 1940. É repugnante e revoltante ver uma agremiação de criminosos, liderada por um criminoso e cujos adeptos são todos, em maior ou menor grau, criminosos juntar mais um título ao longo historial de roubos nos últimos 30 anos e ver a falta de vergonha na cara para o celebrarem como se tivesse sido obtido da maneira mais limpa deste mundo. Presumo que também tenha sido assim que os partidários do Américo Thomaz celebraram a vitória nas eleições de 1958…

Graças às selecções, o Maxi Pereira e o Carlos Martins nem sequer foram convocados e o Cardozo começou no banco. Entrámos muito mal na partida e aos 9’ um centro do Guarín fez com que o Roberto desse um enorme frango e colocasse ele próprio a bola na baliza. Empatámos aos 17’ num penalty convertido pelo Saviola a castigar falta do Otamendi sobre o Jara. As coisas estavam mais ou menos equilibradas, quando o CRAC voltou à vantagem também de penalty aos 26’ a castigar derrube do Roberto ao Falcão. Até ao intervalo, poderíamos ter empatado, mas o Saviola rematou à figura do Helton quando estava em excelente posição.

Na 2ª parte, o Jesus voltou à táctica do jogo em casa do CRAC para a Taça de Portugal e colocou o Peixoto para dar ajuda ao Javi no meio-campo, lançando igualmente o Cardozo. Saíram o Aimar e o Jara. Houve oportunidades de parte a parte e melhorámos claramente o nosso rendimento em relação à 1ª parte. O Javi, Saviola, Cardozo e Coentrão poderiam ter marcado, enquanto do outro lado o Falcão por duas vezes e a prostituta uruguaia, que entretanto tinha entrado, também tiveram chances de marcar. Mas foi já depois dos 90’ que tivemos a grande oportunidade, quando o Sidnei isolado permitiu a defesa do Helton e o Gaitán na recarga, sem o guarda-redes na baliza, atirou ao poste.

Não fizemos um grande jogo em termos colectivo e as exibições individuais reflectem naturalmente isso. O Coentrão terá sido o melhor, o Gaitán também merece destaque e o Peixoto entrou muito bem na 2ª parte. Em termos negativos, o Roberto (apesar da magnífica defesa no final no remate da prostituta uruguaia, aquele frango não se pode dar!) e, sendo com muita mágoa que digo isto, o Cardozo, que foi expulso perto do final.

Temos oportunidade de fazer algo histórico nesta época. Bastar-nos-á ganhar as três taças em que estamos envolvidos. Para isso, é fundamental que os jogadores e a equipa técnica ponham esta derrota para trás das costas e se concentrem já no PSV. E não esqueçam que, neste momento, só um final de época de conquistas permitirá limpar os três recordes negativos que possuem neste momento (pior início de campeonato de sempre, pior derrota de sempre em casa do CRAC e não derrotar o CRAC para o campeonato, possibilitando-lhes provavelmente serem campeões sem derrotas). A resposta será dada na próxima 5ª feira.

P.S. – O lance da bola aos poste aos 92’ vai perseguir-me durante anos e anos. Ainda nem acredito bem que a bola não tenha entrado e que nós tenhamos tido que levar com a festa de um clube criminoso em nossa casa. Já não bastava o Mal ter vencido, como ainda por cima o fez com este tipo de sorte. A minha crença numa justiça divina foi seriamente abalada…

11 comentários:

Anónimo disse...

Nem com penalties oferecidos.....mesmo assim perderam..

Rui Branco disse...

Amigo Sérgio,

Parece que o teu blog é seguido por anónimos corruptos assumidos!

Foi uma noite de terror ontem para mim, mas enfim a que continuar a acreditar que esta epóca pode ser inesquecivel!

Um abraço,

S.L.B. disse...

É verdade, Rui. Às vezes, dão-se ao trabalho de insultar a torto e a direito, não percebendo que eu lhes dou tantos ouvidos quanto aos guinchos de um porco, mas enfim... Este, como até foi educado, deixei passar. Como exemplo e porque ele até tem razão: de facto, em relação a penalty e 'borlas' oferecidas pelos árbitros, eles são mais competentes a aproveitá-las que nós. Quer em quantidade (e aqui nem se fala...!) quer porque geralmente ganham através delas. Como disse o treinador deles, queriam "roubar" o título ao Benfica. E conseguiram.

EAGLEHEART disse...

Temos oportunidade de fazer algo histórico nesta época. Bastar-nos-á ganhar as três taças em que estamos envolvidos. Meu amigo acreditas mesmo nisso que dizes? se calhar nem a taça da liga ao Paços ganhamos, os Benfiquistas acreditam mesmo que irão ganhar a taça da europa? e ainda depois de exibições como a de ontem? é surreal certos comentarios. por favor acordem de uma vez, nós não nem estofo nem mentalidade para essas grandes andanças, por favor escrevem todos muito bem, mas não tentem iludir os menos afortunados pela inteligencia. nemhuma, repito nenhuma equipa poderá conquistar uma competição europeia com um Guarda Redes daqueles.

Anónimo disse...

Tudo muito bonito, mas o problema de fundo continua: a cúpula pertence ao inimigo.
O que tem LFV a dizer desta época? Que os 6 milhões são uns coitadinhos e que foram roubados. E então? Não vejo árbitros com medo do benfica, não vejo os mafiosos do norte na cadeia, não vi o autocarro do benfica a voltar para trás quando foi atacado, como ele tinha prometido.
Estamos sem voz há muito tempo, e aí é que começa. Ninguém se chega à frente? Temos de convidar o Abramovich para por ordem no burgo?

Dedico o titulo do FCP a todos os benfiquistas que pagam a tv corrupta.

EAGLEHEART disse...

Eu moro na Puta da cidade do Porto, infelizmente foi aqui que nasci e é aqui que tenho para minha grande tristeza as minhas Raizes, mas acreditem e quero que se fodam todos aqueles que pensarem o contrario, não existem adeptos do Glorioso como os do Norte. o Nosso Estadio, a nossa sagrada Catedral não está á simples distancia de apanharem um metro, estamos a 300 km, gastamos para cima de 60 euros para ir aí e para vermos jogos ás 21:30 que terminam perto da meia noite com dia de trabalho bem cedo no dia seguinte. somos os que mais sofremos com as festonas e humilhações dos CABRÕES DOS PORTISTAS, até em problemas nos envolvemos com esses cabrões por causa do glorioso, dificilmente podemos andar com a sagrada camisola do glorioso vestida nesta cidade sem sermos logo insultados ou até mesmo cuspidos. enquanto que aí em Lisboa só pensam nas putas das guerrinhas com o pequeno clube do outro lado da segunda circular. sabem do que é que o glorioso precisa para voltar a ter a hegemonia em portugal e voltar a ser respeitado? precisa de um gajo do Norte á frente do clube, precisa de um Veiga, de um gajo de tomates, precisa de mentalizar os restantes MAMOÊS, desculpem dirigentes, jogadores, e até adeptos que o Porto não é um adversário, mas sim um INIMIGO e que como inimigo que é precisa de ser abatido. soube de adeptos do Porto devidamente equipados a rigor a passearem com a maior das há vontades em plena cidade de Lisboa e nada? nem um cabrão de um mauzão de um gajo da amadora capaz de os apedrejar? de os foder? aqui isso simplesmente seria impossivel. enfim somos um clube de tótós e das duas uma, ou o Cabrão do filho da granda puta do PINTO entrega a alma ao diabo ou os gajos em poucos anos ultrapassaram-nos em tudo: titulos, recordes, tudo até a nova geração de miudos já nascem portistas até em familias de Benfiquistas. simplesmente porque ninguem faz nada, não sejamos como eles, demos a outra face é esta a actual politica da nossa direção. são corruptos? sim. mas ganham titulos? ganham. ficam na historia do futebol por eses mesmos titulos conquistados? sim. então ora foda-se, façamos o mesmo, quero ganhar, quero GANHAR, quero GANHAR, quero GANHAR, nem que seja da mesma forma. daqui a 20 anos ninguem já se lembrará da forma como eles se tornaram de um simples clubezeco de bairo num dos maiores clubes mundiais, foda-se quero um Veiga no meu clube, quero um gajo do Norte com os tomates no sitio a dirigir o meu Glorioso.

S.L.B. disse...

Não podia estar mais em desacordo contigo, Eagleheart: por nada deste mundo trocava os nossos últimos 30 anos pelos do CRAC. Gosto de andar de cabeça levantada na rua e não ter vergonha do clube de que sou sócio.

EAGLEHEART disse...

S.L.B. pergunta aos adeptos dos corruptos se tÊm vergonha de alguma coisa, daqui a alguns poucos anos as novas gerações de Portistas algumas que até já estão a nascer e a crescer no seio de familias benfiquistas já ninguem se lembra de como foram ganhos os titulos, eles estão-se a cagar para as historias da corrupção, da mesma maneira como EU me estou a cagar para as historias deles quando dizem que fomos grandes no passado á custa do Salazar, entendes-te o que quis dizer? é precisamente a mesma coisa.

S.L.B. disse...

Não, Eagleheart, NÃO É DE TODO a mesma coisa. Essas histórias do Salazar são uma mentira contada várias vezes a ver se passa por verdade. Há maneira de provar o contrário e tens aí na barra esquerda, nos "Favoritos", o link que explica essas "verdades deturpadas".

Quanto ao que os adeptos portistas acham ou deixam de achar, é-me igual ao litro. Se fosses fazer um inquérito na Alemanha em 1939, haveria muito poucos que tinham vergonha do Hitler.

Isto é tão simples quanto: há ricos que o são porque traficam droga ou assaltaram um banco, e há outros que o são devido ao fruto do seu trabalho legítimo. Vais dizer-me que o que interessa é o dinheiro e não a forma como ele é obtido?! É óbvio que eu não concordo com isto...

EAGLEHEART disse...

S.L.B. é claro que eu não falo propriamnete na corrupção, no acto em si, mas na maneira como eles se movimentam no futebol e poxa só Deus sabe o quanto me custa dizer isto mas os Cabrões tambem sabem jogar futebol e fazem tambem jogos memoraveis, nem sempre ganham a gamar. qual é o problema deles praticamente terem duas equipas, a principal e a dos jogadores que emprestam pelos clubes nacionais que no final da época só com o empenho deles lhes valem uma média de 8 a 10 pontos? é neste tipo de sabedoria, nós temos jovens jogadores a serem emprestados para inglaterra(Miguel Vitor) ou a clubes secundários (Fátima)é neste tipo de coisas a que me refiro, não a pagar putas a Àrbitos e viagens ao Brasil aos mesmos.

S.L.B. disse...

Continuo a não concordar contigo, Eagleheart. Não quero que o Benfica empreste jogadores a clubes que depois fiquem misteriosamente lesionados precisamente na semana que antecede o jogo connosco. Gosto que as outras equipas dêem o litro contra nós. Só valoriza as nossas vitórias.

Se me dizes que o CRAC tem boa equipa e está a fazer um óptimo campeonato, é claro que concordo. Mas muito gostaria eu de ver como seriam as coisas sem as roubalheiras contra nós, e a favor deles, no início da época. Poderíamos ter tido o melhor campeonato dos últimos anos. Assim...