origem

quarta-feira, agosto 07, 2013

Cardozo reintegrado

Faz precisamente hoje um mês que escrevi isto. E faz três semanas desde que o Cardozo voltou de férias. Finalmente aconteceu isto. Ou seja, perdeu-se três semanas (no mínimo, para não dizer dois meses e tal desde 26 de Maio…) para nada. Toda a gente sai mal desta fotografia: o Cardozo, porque não deveria ter feito o que fez e deveria ter pedido desculpa mais cedo; o Benfica, porque não o obrigou a pedir desculpas logo na altura e depois deixou-o estar três(!) semanas a fazer não sei bem o quê; e o Jesus, porque ou bem que o perdoava e deveria ter feito finca-pé para ele ter começado logo a treinar, ou não o queria e não o aceitaria de volta.

Não sei se o Cardozo vai ficar ou não, se concordou com o Benfica fazer isto para não se desvalorizar ainda mais ou não, ou se este pedido de desculpas é sentido ou não. Duvido que o Cardozo, se ficar, jogue antes de Setembro. E isso vai fazer com que não alinhe nas duas primeiras jornadas do campeonato. Ou seja, perde ele e poderemos perder nós. Esta situação, e a maneira como não foi resolvida a tempo e horas, é exemplar sobre tudo o que se não deve fazer num caso destes. A lógica disto tudo é muito difícil de perceber.

P.S. – Independentemente do resto, em termos meramente desportivos, seria um disparate deixar o Cardozo ir embora por tuta e meia e ir buscar um avançado “clone” dele. Se o melhor marcador estrangeiro da nossa história já cá está, é de aproveitá-lo, não?

P.P.S. – É fácil de perceber que eu quero que o Tacuara fique e continue a marcar golos por nós. Se já tivemos que engolir sapos com o Jesus “a bem” do Benfica, estes que engula o sapo Cardozo com o mesmo fim. Se se portarem todos como crescidinhos, pode ser que no final se escreva direito por linhas muito tortas.

1 comentário:

José Ramalhete disse...

O JJ não vai engolir sapo nenhum, vai pôr o Cardozo na prateleira.